Notícias

 

A Juventude Democratas participou hoje do manifesto das principais lideranças da oposição no Congresso contra a impunidade e pela CPI da Corrupção. O objetivo é apurar as falcatruas em diversos ministérios do governo.

“A presidente Dilma fala em faxina, mas até agora vimos apenas alguns móveis serem trocados de lugar. Se a gente quer um país novo, mais limpo, precisamos averiguar tudo que foi varrido para debaixo do tapete nos últimos anos”, afirmou o deputado Efraim Filho (PB), presidente nacional da Juventude, que chegou a compor a mesa diretora.

Até agora, a CPI já conta com o apoio de 126 deputados e 20 senadores. Para sair do papel, precisa da assinatura de 171 deputados e 27 senadores. Estavam presentes no ato PSDB, DEM, PPS e PSOL. “Tenho ampla convicção que a CPI só será constituída com a ampla mobilização da sociedade”, afirmou o líder do DEM na Câmara, ACM Neto (BA).

A Juventude Democratas é uma das mobilizadorhttp://www.juventudedemocratas.org.br/as da CPI nas redes sociais.